Há um ano, Samuel Mariano seguia rumo a Europa conquistando o número de 273 almas

05.08.2016

Ele afirmou ainda não ter aberto mão em culto algum de ministrar a palavra de Deus como ela é

Parece que foi ontem. Mas há exatos um ano, Samuel Mariano e parte da sua banda pisavam em terras europeias pela primeira vez, com o intuito de ganhar vidas e impulsionar o evangelismo aos cristãos europeus. 

 

Foram cerca de 20 dias, tendo início no dia 04 até o dia 25 de agosto de 2015, estando presente em mais de 20 eventos, evangelizando mais de 14 lugares. Portugal e Itália foram os países alvo e um grande resultado de todo esforço foi contabilizado como confirmação de um trabalho plantado e também colhido: 273 almas.

 

Em um texto de despedida em sua página na rede social, Samuel disse que lágrimas desceram ao entrar e ao sair do continente europeu. Ele afirmou que quando tomou a decisão de fazer a missão internacional não sabia o que lhe esperava. E que ao contrário do que ouvira sobre a frieza e a incredulidade da igreja na Europa, reiterou ter testemunhado de algo grandioso: “Não encontrei uma igreja fria, pelo contrário uma igreja quente, animada, cheia do Espírito Santo”.

 

Diante de uma grande oportunidade em um lugar diferente, e fora do seu país de origem, Mariano volta ao passado e disse encontrar motivos para não temer aos novos desafios.

 

“Eu fui treinado na Fazenda Carassú, na zona rural da cidade de Barreiros/PE, e de lá entrei para o sertão, presídios, favelas e minha esperança me dizia:  Se deu certo lá então tem que dar aqui”, admitiu o cantor, ao chegar em Portugal.

 

Durante todos os trabalhos o cantor publicou em sua página provas de um grande avivamento. Contemplando a ação do Espírito Santo batizando os irmãos e enchendo-os da graça. Ele afirmou ainda não ter aberto mão em culto algum de ministrar a palavra de Deus como ela é.

 

No final de tudo, lembranças na sua mente vieram de carinho e abraços de muita gente, até mesmo de vovós lhe agradecendo pela ida, juntamente com a sua banda.

 

O cantor finalizou a postagem afirmando estar voltando para casa com sensação de “missão encaminhada”, e feliz com as quase 300 vidas que seriam contabilizadas no Quero Almas – projeto missionário criado pelo cantor e que foi também apresentado aos irmãos europeus, para que fosse copiado.

 

O cantor sentiu a dor da despedida no peito, com lágrimas nos olhos e deixando o seu abraço a todos os irmãos que ficaram.

 

E com a certeza de voltar à Itália e a Portugal outra vez de forma ainda mais estratégica, e com um projeto de rua gigantesco, Samuel Mariano com o coração cheio de esperança não deu adeus ao continente, apenas disse: “até breve, Europa!”.

 

 

 

Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Please reload

Leia Tambem!

Colheita: 536 almas em cinco cruzad...

26 Aug 2019

Aniversário do Projeto "Chamad...

21 Aug 2019

Igreja fora das quatro paredes em M...

25 Jan 2019

Quijingue: contagem regressiva para...

22 Jan 2019

"Respira" é um desafio e...

16 Jan 2019

1/1
Please reload

COMENTÁRIOS

 ©2018 - SAMUSIC PRODUÇÕES | Todos os Direitos Reservados. Design by ©CARLA BARBOSA

Acessos